RIO DE JANEIRO CIDADES SITIADAS PELOS FALSOS CONDOMÍNIOS VERGONHA NACIONAL!

Nota do Editor: Magistrados e outras autoridades participam do esquema dos Falsos Condomínios. A denúncias desta matéria,  estão comprovadas por documentos e demonstram o escândalo que acontece no Rio de Janeiro

 

 

A Defesa Popular está monitorando os processos judiciais de cobrança de condomínio, do Estado do Rio de Janeiro e cidades. Em nossa ultima visita à esta linda cidade, pudemos constatar um mau exemplo que algumas autoridades estão deixando para as gerações futuras. Assim gostaríamos de lembrar para aqueles que insistem em andar de forma marginal à lei, por mais que pretendam burlar e manipular, por mais que se apeguem ao poder, não conseguirão êxito, pois está provado na história que nenhum poder, nenhum algoz, pôde com a força popular.

Tais afirmações, são críveis, pois nossa equipe flagrou a irresponsabilidade de algumas associações de moradores (ilegais) denominadas de “falsos condomínios” comandadas por algumas autoridades; Assim, vêm usurpando as funções publicas, fechando ruas, bairros inteiros e cobrando taxas de condomínio. É o caso de (Teresópolis), (Orla oceânica de Niterói) e outras. Um caso peculiar foi de um bairro de Niterói onde um Juiz de Direito, que se acha o “dono da rua”, usando de um CNPJ falso, fechou ilegalmente uma rua de um bairro urbano, desmatou área de preservação, promovendo assim o terror aos moradores que estão reféns desta postura imoral e se sujeitam ao jugo do coronelismo do magistrado.

Sua sensação de impunidade é tamanha que ele, o próprio, se intitula como sindico do “condomínio” assina documentos, vai em audiências como sindico, usa de sua influência para processar os moradores que são contrários à esta impositividade. Não menos aberrante, o chefão, desafia outros magistrados, enfrenta pessoalmente e (armado) todos que o desafiam, não bastasse, desacata as decisões municipais e do Ministério Publico, ao final, todos se sujeitam ao poder e ao imperialismo deste Sr. equivocado e transgressor da lei que usa de seu cargo, para o locupletamento ilícito e satisfação de seu intentos perniciosos.

A polícia tem medo, o prefeito tem medo, as autoridades, tem medo, ao final todos se tornam coniventes. Quem é este poderoso chefão? Tratamos de investigar com cautela, pois o que presenciamos é surreal. Após constar que os abusos realmente são verídicos, tratamos de comunicar o Presidente do CNJ Ministro Peluso, que esperamos tome as providencias e não remeta o processo para o Rio de Janeiro. A Defesa Popular, não pode fechar os olhos para os abusos aos Direitos do Cidadão, sua obrigação vem em primeiro lugar. Consultamos nosso Diretor Jurídico sobre estes fatos que determinou uma equipe jurídica para tomar as competentes medidas, vejam a conclusão: - Compulsando as denuncias de moradores que estão sendo ameaçados inclusive de morte, por algumas autoridades no Rio de Janeiro, através do site da Defesa Popular, diante destes fatos, resolvemos promover a instauração de competente processo ao CNJ e Policia Federal, visando coibir os abusos existentes no citado bairro urbano em Niterói.

Restou demonstrado a existência de crimes tais como: Falsidade ideológica - Falta de moral e ética – Tráfico de influências - Conduta desonrosa – Cumulação de cargos e funções – Desrespeito ao código da Magistratura - Perigo iminente à sociedade ordeira – Formação de quadrilha – Ameaça – Crimes contra a honra - Atentado violento ao pudor - Crimes contra o Meio Ambiente e outros. Assim, a primeira ilicitude que constatamos foi a afronta a Lei Orgânica da Magistratura, em seu art. 36 que proíbe os magistrados de participarem de associações.

Após encaminhamos as denuncias aos CNJ para as devidas apurações. Paralelamente, enviamos à Deputada Federal Cidinha Campos dossiê completo, que em outra oportunidade, já denunciou o Presidente do Eg. Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, para que assim, tomasse ciência de mais outra denúncia contra as autoridades locais. Veja em nosso blog www.defesapopular.blogspot.com ou selecione e copie o link abaixo (ctrl +c) e cole (ctrl + v) na barra de endereços do seu navegador, para constatar a gravidade das denúncias feitas pela Deputada. (http://www.youtube.com/watch?v=qGTdlyaerAk) “vale a pena”.

Assim, não bastassem as milícias, o tráfico, as irregularidades e destemperos de alguns, agora temos poderosos e influentes autoridades no comando deste “avilte constitucional” que denominamos de (falsos condomínios). Se ninguém faz nada a Defesa Popular faz. Muitos nos questionam se não tememos por represálias da máfia, assim respondemos: - Não há mais como parar as trinta sucursais e escritórios jurídicos em todo o Brasil, não se trata mais de uma pessoa, mas sim de uma equipe de mais de sessenta profissionais e mais de um milhão de vítimas pelo Brasil.

Não podemos mais aceitar este tipo de delito vindo de autoridades, as mesmas que decidem o futuro de nossas vidas, de nossos bens, de nosso dinheiro, de nossa liberdade, de nossos filhos. É preciso fazer algo Nosso Diretor jurídico estará se reunindo em Brasília com as autoridades do STJ e STF para discutir este absurdo que se instituiu no País. Acompanhem o desfecho deste triste e lamentável episódio.

COMENTE ESTA MATÉRIA e recomende nosso site aos amigos e vizinhos. Somente a conscientização, colocará um fim nesta Indústria da Ilegalidade.

Defesa Popular - Em luta contra o Estado Paralelo de Direito 

www.defesapopular.blogspot.com

www.defesapopular-rj.blogspot.com

www.defesapopular-ba.blogspot.com

www.defesapopular-br.blogspot.com

Contato Nacional 11.5506.6049 / 5506.1087